27 março 2014

Siga seu coração.

                              "Quanto maior a tempestade, maior será a vitória."


    Nossa vida é cheia de altos e baixos, recaídas e recomeços, e assim vamos levando. Por isso, siga sempre seu coração... Como vocês sabem, a oportunidade do meu primeiro emprego surgiu de repente, e mesmo que eu já tivesse aquela vontade no fundo do coração, eu pensei e repensei. Pois estou deixando "de lado" o dia-a-dia do Caio, o blog e a minha casa. Em compensação estaria me relacionando  com outras pessoas, tendo colegas de trabalho, e tendo o meu dinheiro. Coloquei na balança e segui meu coração... Estou na terceira semana do trabalho e estou curtindo. E eu estou aqui novamente falando sobre o trabalho porque para várias mamães, este assunto lhe dão calafrios! Principalmente para quem não tem com quem deixar a criança... Eu por exemplo, não teria ido trabalhar se fosse pra deixar o Caio na escola ou na creche agora, pois eu não estou pronta, e nem ele também. Sigam seus extintos maternos, e mais uma vez repito, siga seu coração!


      Sempre que eu acordo e olho pra minha família, sinto e tenho a consciência que Deus tem olhado por nós, sempre! Ele também está cuidando da sua família, então, ponha Deus no seu caminho e chegarás longe!!!

Ahhhhh, e para as mamães que voltaram a trabalhar, e também as que preferiram não voltar a trabalhar, minha eterna admiração. Cada decisão temos consequências não é verdade? Por isso somos batalhadoras e vencedoras!

             

26 comentários:

  1. Parabéns pela iniciativa. Muitas vezes a gente imagina mil coisas, mas depois que elas acontecem dá para ver que não é um bicho de 7 cabeças. Você terá momentos com seu filho e ele terá orgulho de você. Eles crescem e depois a sensação de perdida é bem menor.

    Concordo com que você disse, admiração por todas as mães. As que decidiram ir trabalhar e aquelas que quiseram ficar tempo integral com o filho. Não tem regras e ninguém vai ser melhor mãe do que ninguém.

    Parabéns!!!
    Beijos :o))

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Carol, sem regras, sem cobranças, cada mãe sabe de si, e cabe a cada uma escolher a melhor opção! bjss

      Excluir
  2. Não é fácil deixar os filhos, mas é o mais certo a fazer.

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  3. Adorei o texto. Eu ainda não voltei a trabalhar depois que meu filho nasceu. Tranquei a faculdade,voltei, atrasei meu curso, mudei a minha vida,mas acho que tudo valeu a pena para ver meu filho crescer,para o bem dele, ele é a prioridade em minha vida agora. Depois que ele for pra escolinha aí sim posso retomar as minhas atividades....família acima de tudo principalmente filhos! bjo

    ResponderExcluir
  4. Adorei. Pelo meu filho perdi dois anos na escola. Perderia até mais, só que no ano que vem vou voltar a estudar, e vou coloca-lo na creche.

    http://gravidezaos15.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Eu optei por ficar em casa , e está sendo
    uma experiencia super 10, é claro que também
    tem seus contras mas está valendo a pena.
    bjs
    http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Thaty ouvir o coração é melhor coisa a ser feita, pois as duas decisões são difíceis, ficar em casa em tempo integral e ir trabalhar fora. Acho que importante é ficarmos bem com a decisão tomada.

    Tri-beijos Desirée
    http://astrigemeasdemanaus.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Adorei seu texto e apesar de não ter filhos, te entendo.
    big beijos
    Lulu
    http://www.luluonthesky.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. com certeza cada decisão é unica e deve ser bem tomada
    ter com quem deixar os pequenos faz toda a diferença
    na hora de ir trabalhar

    Linda Tarde
    beijokas da Nanda

    Sendo a mãe da Isa e da Gabi
    Google+Nanda

    ResponderExcluir
  9. EU NÃO CONSEGUI CONCILIAR TRABALHO, CASA E FILHA, DECIDI FICAR EM CASA.


    Bjus

    Geri Ferreira
    http://geriencantodemenina.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Parabéns Thaty, com certeza cada decisão independente de qual for tem suas consequências.
    Eu decidi (e tbm pq tive como né) parar para ficar o Gui, até pq não teria com quem deixa-lo e não queríamos coloca-lo logo cedo na escolinha

    Bjs Mi Gobbato
    http://espacodasmamaes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Eu nunca trabalhei fora,trabalho em casa,admiro quem consegue,eu ainda não estou pronta,justamente pelo fato de não ter alguém de confiança para deixar os pequenos,se deixa na escolinha,tem dias que não tem aula e ai com quem deixar,mas a vida é assim cada escolha tem seu lado bom e seu ruim,parabéns o importante é vc seguir seu coração sempre,bjos

    ResponderExcluir
  12. Que cada uma viva o seu certo, sempre digo isso. Bjus Coisas da Lara

    ResponderExcluir
  13. Se está feliz e o Caio também é isso que importa!
    Beijos

    ResponderExcluir
  14. Oi querida .. primeiro de tudo Parabéns pelo seu niver!
    Amei o texto, tb não trabalhei até agora pouco .. como trabalhamos por conta própria fico de casa administrando .. mas as vezes deixo a princesa na avó ... bjs

    Beijos pra vocês!

    Roberta e Luma
    http://princesaluma.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Disse td. Eu voltei a trabalhar qd Joseph tinha 4 meses... eu ñ tinha outra opção, compramos carro, apto e agora era trabalhar pra arcar. Chorei em deixar meu pequeno, mas fazia únicos e especiais os momentos q tínhamos e temos juntos até hj.
    Não me arrependo pq juntos fazemos conquistas diárias, mas a culpa sempre carregamos, bjs

    ResponderExcluir
  16. Cada um sabe de si
    Com certeza se fosse por brincadeira, você não iria trabalhar
    Eu voltei a trabalha a Luma tinha quatro meses
    Foi uro, mas não tive escolhas
    Bjus
    http://segredosdaluma.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. As vezes sinto vontade de voltar a trabalhar, mas acabo percebendo que não conseguirei me afastar do Rafa.
    Parabéns pela decisão amiga!
    bjcas
    http://estou-crescendo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Oi Thaty,
    Prazer em te conhecer e obrigada pelo carinho la no blog!
    Menina....tema complicado esse..rs...parbens pelo trabalho, também acho que cada caso e um caso!
    Eu tive sorte, trabalhava "part time" com maridex, trocávamos...rs..filhotes não sofreram tanto!
    Bjks!

    ResponderExcluir
  19. Com Deus no coração e um boa decisão em nossas vidas seguimos sempre!
    Bjinhos

    mamaenathan.blogspot.com

    ResponderExcluir
  20. Eu tomei a decisão de voltar a trabalhar e não me arrependo, é muito bom termos amizades e nosso proprio dinheiro,mais sinto muita falta do meu pequeno,mais é por ele que estou fazendo isso!!
    Temos que seguir nosso coração msm!!

    Beijos,ótima semana!

    ResponderExcluir
  21. Super importante pensar e ponderar o que é melhor para todos. Se vcs estão bem e tudo tá dando certo, não vejo problemas em voltar.
    Eu aqui optei por ficar em casa, mas depois de um tempo comecei a luta para voltar a trabalhar, mas nada apareceu. Tudo no tempo de Deus.
    Bjs
    Vivi e Isaac

    ResponderExcluir
  22. Cada um sabe o que é o melhor para sua família, eu por exemplo estou a dois anos em casa, doida para trabalhar mas por não ter alguém de confiança para deixar ela, prefiro sacrificar minha vida profissional para o bem estar dela....Boa sorte..bjs

    ResponderExcluir
  23. Exatamente amiga siguir nosso coração , trabalhar faz bem, deixa a gente respirar um pouco tbm.
    Doí mais é preciso =)
    bjoo

    ResponderExcluir
  24. Amiga texto maravilhoso amei.
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br
    Canal de youtube: http://www.youtube.com/NekitaReis

    ResponderExcluir
  25. Oi flor!
    Desejo tudo de bom para você e sua família de coração!
    Parei de trabalhar depois que meu filho nasceu, quero trabalhar em casa por enquanto e montar um negócio próprio. Não quero sair de perto da família.
    Sucesso sempre!
    Bj

    Blog- Femme Digital- Mãe, Esposa, Mulher!

    ResponderExcluir

Seus comentários me motivam pra continuar! :)